"Versículos"
 

Mandamentos

 

E Jesus disse-lhe: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento.

Este é o primeiro e grande mandamento.

E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo.Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas. Mateus 22:36

 

Para poder cumprir isso é preciso entender quem é o Todo, Aton.

Quando usamos um microscópio podemos ver pedaços cada vez menores de matéria. Com um microscópio eletrônico podemos “ver” até o mundo atômico. Mas, se nos aprofundássemos mais e mais o que “veríamos”? Depois dos átomos temos os prótons, elétrons e nêutrons. Os prótons são formados por quarks. É neste ponto que a ciência chegou até o momento. Existem duas interpretações a seguir: uma diz que “abaixo” do nível dos quarks estão as supercordas e outra diz que existe o Bóson de Higgs; o campo que dá massa à tudo o que existe.

“Abaixo” disto existe o que? O Vácuo Quântico. Um infinito campo de energia primordial. É dele que “emerge” tudo o que existe. A energia que “emerge” e que entra em contato com o campo do Bóson de Higgs (que também “emerge” do Vácuo Quântico) é que dá massa aos quarks que forma os prótons que forma os átomos que forma as moléculas que forma as células que forma os órgãos que forma o corpo de qualquer ser orgânico. O ser humano por exemplo.

Esta é a realidade pura e simples. Tudo vem do Vácuo Quântico. Ele é tudo o que existe. Tudo o demais é uma emanação dele ou uma organização ou auto-organização dele. (Por enquanto estou usando minúsculas para ser didático). As demais interpretações são metafóricas. E qualquer metáfora é válida desde que entendida que é uma metáfora.Tudo o que existe é formado pela energia primordial. Este vácuo Quântico está presente em tudo. Desde o nível do oceano primordial de energia (do qual tudo emerge) até as galáxias, aglomerados de galáxias e o universo inteiro. Nada está fora do Vácuo Quântico. Ele é tudo o que existe. Estou simplificando para ficar mais fácil de entender.

É de importância fundamental entender isso. Não existe nada que não seja o Vácuo Quântico. Ele é a energia que está presente em tudo. Ele é energia. Não tem massa ou matéria para ficar claro. É pura energia. A massa só aparece quando a energia entra em contato com o campo do Bóson de Higgs (que também vem do Vácuo Quântico). Estou repetindo para ficar claro, pois até hoje isso não foi entendido quando se fala do versículo acima. Sem entender qual era a intenção ao dizer uma coisa fica-se sujeito a n interpretações. Daqui a muito tempo a física aceitará isso. Por enquanto estamos vivendo na filosofia materialista. E o resultado está ai.

Quando as pessoas entenderem que são formadas pelo Vácuo Quântico e que tudo também o é, todos os problemas desaparecerão. Tudo estará resolvido.

Ser formado pelo Vácuo Quântico significa que a essência dele está dentro de todas as pessoas. Essa essência é o que se chama Centelha Divina. Um “Átomo” do Vácuo Quântico. Como se fosse uma impressão digital dele. Cada ser que existe tem uma Centelha Divina individual e individualizada. Emanada do Vácuo Quântico. A Centelha é o próprio Vácuo Quântico. Entender e reconhecer isso é o que se chama Iluminação. Iluminado é o ser que sente isso. Sentir é a palavra-chave aqui. Sem sentir não se aceita a Centelha Divina e portanto as guerras continuam e continuarão até que isso seja sentido.

Portanto, para se amar o Todo é preciso sentir que o Todo é a essência de tudo o que existe. No nível mais profundo o Todo e a pessoa são a mesma coisa. Só que a pessoa tem de sentir isso. Quando a pessoa sente isso ela passa a deixar que o Todo resolva tudo. É o que se fala sobre “abandonar” o ego. Deixar a Centelha agir. Deixar os interesses particulares de lado e deixar a Centelha guiar tudo. Sem isso a pessoa tentará dirigir a própria vida com a sua mente. E nesse ponto os problemas aparecerão inevitavelmente, pois deixar o Todo de lado e querer dirigir a própria vida (que é formada pelo Todo) é uma coisa completamente ilógica e não tem como funcionar. Soltar o ego e deixar a Centelha cuidar de tudo é a única solução. Isso não quer dizer não fazer nada, não trabalhar, não estudar, etc. É justamente o contrário. Temos de fazer o máximo que estiver ao nosso alcance para que a Centelha possa atuar. Lembram-se de que a Centelha está dentro do nosso corpo? O corpo é o veículo da Centelha. É preciso que o veículo seja o melhor possível.

Os problemas aparecem mais e mais até que a pessoa entenda e aceite que a Centelha Divina existe. Não há necessidade de sofrimento para entender isso. Basta aceitar e tudo está resolvido. O sofrimento vem de resistir a entender que tudo é o Todo. E que o Todo é tudo o que existe. Não é possível estar dentro de um corpo (como uma célula de um fígado, por exemplo) e não aceitar que está dentro do fígado. Nós estamos “dentro” do Todo. O Todo está dentro de nós. Tudo é o Todo.

Evidentemente que o que está escrito acima até hoje não foi entendido e nem aceito. É óbvio. Vejam o que acontece no planeta Terra!

É por isso que toda pessoa que lê esses versículos acha que é o resumo perfeito da fórmula para ser feliz e ao mesmo tempo vê que isso não é aplicado praticamente em lugar algum. E a aplicação disto só acontecerá quando a Centelha Divina for aceita e sentida. Ou vocês acham que o mundo dos negócios poderia continuar a ser do jeito que é se a Centelha fosse sentida?

 

Hélio Couto

 

A outra face

 

Ao que te ferir numa face, oferece-lhe também a outra; e ao que te houver tirado a capa, nem a túnica recuses; Lucas 6:29

 

É evidente que o versículo acima não se refere à covardia. Se fosse assim não teríamos o instinto de preservação para defender nossa vida.

É justamente o contrário. Somente uma pessoa extremamente forte pode ceder a túnica, que significa ceder o ego.

No Taoísmo está claro que só há sucesso quando se segue o fluxo do universo. O Caminho do Tao. Toda vez que se coloca resistência ao fluxo do universo um problema está criado. É a mesma coisa que ensina a Teoria do Caos.

Existe um fluxo no sentido da Iluminação Espiritual em tudo o que existe no universo. Toda vez que a pessoa coloca seus interesses particulares acima da vontade do Todo, esta pessoa cria inúmeros problemas de todos os tipos para si.

Foi isso que o Mestre Jesus disse. Como em todas as parábolas existe um sentido oculto que só é entendido depois de muito estudo. E tem de ser sentido. Sem sentir o versículo não há como entende-lo. Fica-se na racionalização. E racionalizar é torcer a verdade para que fique de acordo com nossos interesses particulares. Por isso é tão fácil interpretar de milhares de formas diferentes qualquer coisa.Uma pessoa só pode ser oprimida se tiver apego à alguma coisa. Se a pessoa se rendeu ao Todo não há mais apego. Ela soltou tudo. Foi exatamente isso que fez Sócrates. E isso significa que não há ansiedade, nem pressão, nem força sendo colocada para conseguir algo. Seja o que for. Quanto mais se põe pressão menor o resultado. Sempre. Somente quando se solta é que o resultado positivo vem. Só que isso vai contra o que a maioria acredita que é o melhor, isto é, a competição, a lei do mais forte, o darwinismo social e por ai vai.

E nos negócios isso é evidente completamente. Ponha pressão num cliente e veja se ele compra seu produto. Ponha pressão no entrevistador e veja se ele te contrata. Ponha pressão na pessoa que quer conquistar e veja o resultado. Simplesmente não funciona. É assim que é o universo. A pessoa só consegue um sucesso real e duradouro quando solta o apego ao que quer. E ai as condições estão criadas para que consiga o que quer. Somente quando não tiver mais apego é que consegue. Quando o dinheiro não tiver mais importância para a pessoa é que ela poderá ser milionária. Porque ai não tem mais apego. Todo apego é medo e todo medo gera perda. Tudo que se emana volta inevitavelmente. Mais cedo ou mais tarde. Toda ansiedade é medo do futuro. E todo medo traz de volta exatamente o que a pessoa tem medo que aconteça.Tem um outro versículo que diz: “Aquilo que eu mais temia aconteceu”. É lógico. Um campo eletromagnético só pode atrair o que tem nele. Toda pessoa é um campo eletromagnético, portanto, pensou e sentiu, virá para você. Não importa o que seja. Toda pessoa é um co-criador. Acredite ou não. Saiba disto ou não. Atrairá para si exatamente o que tem na consciência.

O que o Mestre disse foi para não ter apego. Querem a capa? Dá a túnica também. Solta tudo. No caso de uma agressão deve-se fazer o que Ele fez. Perguntar: “Se só te fiz o bem porque me bates?”. Isso faz com que a pessoa tenha que pensar. Porque está claro que o que ela faz não tem a menor lógica. E o ego gosta muito de lógica. A pessoa é obrigada a se confrontar com o seu inconsciente. Seu ego e ver o que está fazendo. É claro que a pessoa pode reprimir essa conscientização e continuar batendo. Mas, estará semeando o próprio sofrimento no futuro. Inevitavelmente.E quem está soltando não está criando nenhum sofrimento futuro, nenhum carma, nada. Essa é a extrema inteligência desta atitude. É por isso que este versículo é revolucionário. Porque ensina como reagir sem criar nada de negativo para si. Pois tudo que se emana volta. É importante entender que o universo trabalha com uma contabilidade de tempo infinito. Nunca é considerado uma só vida. Como é eterno, o universo tem n vidas para ajustar a contabilidade daquela pessoa. Mais cedo ou mais tarde. Não importa quanto tempo leve.

O importante é não criar karma para si. E isso é feito quando se cede a túnica.

E o que ganhou o que levou a capa e a túnica? Alguma coisa que não significa nada em termos de eternidade. E criou enorme karma para si. E toda negatividade acumulada terá de ser resolvida, limpa e elaborada. Isto é, terá que ter uma catarse de qualquer forma para limpar aquela negatividade. Portanto, é uma grande verdade quando foi dito que a pessoa que está sendo roubada não tem problema; problema tem aquele que está roubando. A questão é que quem está roubando descobrirá isso lá na frente. E é assim que se aprende. Encarnação após encarnação. Da mesma forma que a ciência avança, funeral após funeral.

 

Pedidos

 

O colapso da função de onda está perfeitamente explicado em Mateus 21:22:

 

“E, tudo o que pedirdes em oração, crendo, o recebereis.”

 

No Todo estão as infinitas possibilidades. As ondas das infinitas possibilidades “viajam” pelo tempo/espaço continuamente. Quando emitimos um pensamento/sentimento/desejo emanamos uma onda que “colide” com a onda das infinitas possibilidades. Gerando uma interferência construtiva. Uma onda multiplicada por ela mesma. Elevada ao quadrado. Nesse momento a onda de possibilidade torna-se uma onda de probabilidade. Pode vir a ser algo concreto no lado material, por exemplo.

 

A chave para que dê certo o que se desejou é “crendo”. Crer é um sentimento que tem de ser 100% de crença de que está feito. O está feito é uma probabilidade. Ainda não é um fato consumado. Depende da crença 100% para vir a ser. E crer 100% não é fácil. Caso contrário tudo que se visualiza tornar-se-ia realidade. Uma cliente diz que já fez “milhões” de afirmações e não consegue o que quer. Exatamente porque não sente o que afirma. Fica só no mental. O mental só dá a forma. O que cria é o sentimento. O “crendo”.

 

Quando vamos num restaurante e fazemos um pedido temos certeza de que seremos atendidos. Caso duvidássemos e questionássemos o garçom a toda hora, com certeza teríamos problemas com nosso pedido. É a mesma coisa. Temos certeza de que vem nosso pedido. 100% de certeza. E vem.

 

A dúvida desfaz a onda de probabilidade. A ansiedade é medo. Medo cancela a onda de probabilidade. Por isso não se pode abrir a porta da garagem para ver se o carro já está lá. Somente crendo 100% é que o carro um dia estará lá.

 

Tudo que existe na nossa consciência tende a tornar-se realidade justamente pelo colapso da função de onda. Nós criamos a nossa realidade, queiramos ou não. Entendamos ou não. É assim que aprendemos a pensar e sentir corretamente. Que é pensar e sentir como o Todo pensa e sente.

 

Tudo que o Mestre ensinou é pura Mecânica Quântica aplicada. Como foi possível manipular os elementos para transformar uma coisa em outra? Porque tinha absoluto conhecimento de como funciona a realidade. Como se “cria” algo. É uma transformação de energia em massa. É assim que algo surge “do nada” em algo perceptível na nossa dimensão. 

© 2014 by P@t Estúdio - ICA Todos os direitos reservados

Hélio Couto

O Amor do Lírio

Revolucionário Quântico

A Verdade e a Liberdade do Lírio

  • Wix Facebook page

Centelha

Divina

Terra

Pacificada

Unificação

com o Todo

ICA

Só assine se REALMENTE quiser receber e-mails ou notificações da nossa equipe.

Somos Gratas.

Equipe Hélio Couto - ICA